Depressão

É um transtorno que vem cada vez mais crescendo no mundo todo. Sem dúvida, é a queixa principal dos pacientes que me procuram no consultório. Os sintomas mais comuns da depressão são: mau humor, sensação de vazio, aperto no peito, angústia, choro fácil, perda da libido, desinteresse pela vida, falta ou excesso de apetite, transtorno do sono (excesso de sono, insônia, sono agitado, etc.), isolamento (retraimento, não querer se relacionar), cansaço, desânimo, dificuldade de atenção, concentração, de raciocinar, pensamentos suicidas, etc. Obviamente, esses sintomas variam de acordo com cada paciente.
Mas quais os fatores que provocam a depressão?

Há vários fatores, mas, na minha experiência clínica com a TRE (Terapia Regressiva Evolutiva) – A Terapia do Mentor Espiritual, abordagem psicológica e espiritual breve, criada por mim em 2006, constatei que existem três causas que levam uma pessoa à depressão: 1) Causa psicológica; 2) Causa espiritual (obsessor espiritual); 3) Mista (psicológica + espiritual).

1) Causa psicológica: a falta de sentido da vida é fruto da ignorância, por não saber o que está fazendo aqui na Terra, ou seja, qual é o seu verdadeiro propósito de vida. Muitas pessoas desconhecem que o sentido da vida é a busca da evolução espiritual. Por isso, reencarnamos sucessivamente para repararmos erros cometidos em existências passadas (somos espíritos em evolução, sendo assim, cometemos erros, que hoje consideraríamos como bárbaros, atrozes, tais como estupros, assassinatos, suicídio, roubos, etc.) que geram carma por infringirmos as Leis Universais, uma delas, é justamente a lei do retorno (ou de causa e efeito).
Sendo assim, os que roubaram, agora serão roubados; os que estupraram, são estuprados; os que abandonaram, são abandonados; os que traíram, são traídos, e assim sucessivamente.
E, pelo fato de a Terra ser um planeta de testes e expiações para que possamos depurar a nossa alma, a vida se encarrega de criar situações que tragam à tona as imperfeições que trazemos de outras vidas, para que possamos modificá-las. Mas isso gera sofrimento por conta do apego a essas imperfeições.
Portanto, de acordo ainda com a lei do retorno, se você numa vida passada era uma pessoa orgulhosa, arrogante, prepotente, autoritária, mandava e desmandava porque tinha poder, riqueza, humilhou e destratou os mais humildes, poderá vir na encarnação seguinte numa família humilde, de poucos recursos, tendo que passar também por humilhações, faltas, para que possa fazer suas aprendizagens. Por isso, as pessoas depressivas devem fazer a seguinte pergunta: “Por que a minha vida está assim?”.
Certamente, através da TRE, o mentor espiritual (ser desencarnado diretamente responsável pela nossa evolução espiritual) do paciente irá lhe mostrar a causa de seu(s) problema(s) e sua resolução.

2) Causa espiritual: O passado deixa pegadas, sendo assim, são comuns nesta terapia os espíritos obsessores – desafetos dos pacientes desta ou de outras vidas-  se manifestarem nas sessões de regressão, acusando-os do mal que lhes fizeram no passado. Sendo assim, a reconciliação, através do perdão, é a melhor terapêutica paras que ambos se libertem das amarras de seu passado.

Nesses casos, quando ocorre a libertação, o ser espiritual obsessor é levado para a luz, e o paciente se liberta também de sua depressão.

3) Causa mista: A depressão do paciente tem uma dupla causa: a psicológica e a espiritual como fator agravante. Nesses casos, mesmo que a interferência espiritual obsessora seja levada para a Luz, o paciente terá que trabalhar suas imperfeições e maus hábitos para se libertar de sua depressão. É o que os espíritas chamam de reforma íntima.

Caso Clínico:
Depressão, desinteresse pela vida.
Mulher de 30 anos, casada.

Paciente veio ao meu consultório se queixando de depressão, desinteresse pela vida. Estava tomando fluoxetina (remédio antidepressivo), mas não estava resolvendo, pois continuava com os sintomas da depressão. Quando ficava debaixo do chuveiro, vinha uma tristeza profunda e uma vontade de chorar sem um motivo aparente. Estava se afastando dos amigos e largando também tudo o que lhe dava prazer. Não fazia mais planos, sentia-se apática, só queria dormir, sem perspectiva de melhora de seu quadro depressivo. Começou a faltar no trabalho e acabou sendo demitida. Apesar de gostar muito do marido, não tinha mais vontade de fazer sexo, pois não tinha mais libido. Desta forma, não tinha mais ânimo, vontade de viver. Ela observou que a depressão se manifestou após ter praticado um aborto, dois anos atrás.

Ao regredir, a paciente me relatou: “Está escuro, não vejo nada (é comum, após atravessar o portão – recurso técnico que utilizo nessa terapia -, que funciona como um portal que separa o mundo terreno do mundo espiritual, o presente do passado, o paciente se deparar em seu campo de visão com uma escuridão muito grande, um breu total, que os espíritas chamam de umbral, o reino das trevas).
(pausa).
Vejo agora a imagem de um desenho animado do capitão gancho… Ele fala que sente amor e ódio por mim (é comum também nessa terapia, o obsessor espiritual do paciente se manifestar em forma de um personagem de desenho animado para agredi-lo, brincando de forma sarcástica)”.

– Pergunte a esse ser espiritual o que você lhe fez no passado? – peço à paciente.
” Diz que o matei, o abortei, que ele queria vir como o meu filho, mas não deixei. Diz ainda que ele tem o direito de nascer”.

– Pergunte por que ele quis vir como seu filho? – Peço novamente à paciente.
” O capitão gancho (ser obsessor) fala irritado que ele merece (repete duas vezes essa palavra)”.

– Você gostaria de lhe dizer algo? – Peço à paciente.
“ Quero que ele me perdoe por tê-lo abortado, estou bastante arrependida pelo que fiz (paciente fala chorando).
Ele pede para eu parar de tomar as pílulas anticoncepcionais, e diz que já estivemos juntos numa encarnação anterior à vida atual.
Ele está mostrando uma imagem de um casal de crianças: o menino tem oito anos e a menina 10 anos. Ela usa um uniforme escolar, blusa branca, saia cinza, tranças no cabelo, e o menino também veste um uniforme escolar, camisa branca e short azul marinho. Estão correndo contentes numa calçada. Ele diz bravo, que essas crianças eram meus filhos nessa vida passada. (pausa).
Vem agora a imagem dos dois sendo atropelados por um ônibus, enquanto estavam correndo naquela calçada. (paciente fala chorando).
Vejo o menino caído no chão, morto… mas não vejo a menina. Pergunto se a menina morreu.
Ele diz: ‘Claro que sim’. (pausa).
Vejo agora a imagem de minha sobrinha da vida atual… Acho que ela é essa menina que foi minha filha dessa vida passada (paciente fala chorando).
Ele me indaga chorando: ‘por que o abortei’?
Diz ainda: ‘Eu queria vir novamente como seu filho’.
(pausa).
Perguntei se é ele que vem me atormentando por causa disso? (aborto).
Ele me responde gritando: ‘Você acha pouco?!’
Agora , um homem me diz para ter calma… É o meu mentor espiritual, pede calma porque estou muito angustiada. Ele me revela que nós teremos uma nova oportunidade, que ele virá novamente como meu filho. (pausa).
Ele está gritando, dizendo que quer nascer, fica esperneando. O meu mentor espiritual pede novamente calma para mim, fala que agora vai levá-lo para a luz. Fala também para fazer a oração do perdão pelo aborto que fiz, pois só assim irei me curar da depressão. Pede para eu seguir em paz… Está se despedindo, indo com o menino em direção a uma Luz maior.

Anúncios

2 comentários em “Depressão

  1. OI DOUTOR, ESTOU MUITO FELIZ POR VER QUE TUDO ESTÁ BEM COM O SENHOR,ESPERO QUE CONTINUE ASSIM, EU AINDA ESTOU PASSANDO POR ALGUMAS CRISES EXISTENCIAIS,MAIS AGORA ESTOU TENDO O APOIO DE UM GRANDE MEDICO, DOUTOR CELSO ZMON. MUITO BOM POR SINAL, EU GOSTARIA DE LHE FAZER UMA PERGUNTA. COMO CONSIGO ENTRAR EM CONTATO COM O MEU MENTOR ESPIRITUAL, E SABER O NOME DELE, EU TENHO TIDO FORTES DORES DE CABEÇAS JÁ FIZ TODOS OS EXAMES E NÃO DEU NADA, CONTINUO SENTINDO O CHEIRO DE PERFUME, MUITO FORTE,ELE SURGE GERALMENTE QUANDO ESTOU EM PERIGO, OU TRISTE, E ADOCICADO E MUITO FORTE.DOUTOR EU QUERO MUITO FAZER A REGRESSÃO, MAIS MINHA IDA PARA SÃO PAULO E MUITO DIFÍCILEU ANDO MUITO SOZINHA,  SEMPRE ACOMPANHADA DE UMA PROFUNDA TRISTEZA E VAZIO NA ALMA, AS VEZES SINTO QUE ESTOU NO LUGAR ERRADO E NA HORA ERRADA, SINTO UMA VONTADE DE VOLTAR PARA CASA IMENSA, MAIS SEI QUE AINDA TENHO UMA MISSÃO PARA CUMPRIR, ESTE E UM FATOR QUE AINDA ME SEGURA AQUI.MAIS EU DURMO MAL E ACORDO COMO SE TIVESSE ANDADO A NOITE TODA. AI DOUTOR A COISA NÃO ESTA FÁCIL, MAIS VOU SEGUINDO A VIDA.EU QUERO MUITO TRABALHAR A MINHA MEDIUNIDADE POIS ELES ESTÃO COBRANDO MUITO ISTO DE MIM EU NÃO SEI O QUE FAZER. HÁ DOUTOR EU TENHO SENTIDO TANTOS ARREPIOS, E POR DIVERSA VEZES QUANDO ESTOU DEITADA OU SENTADA, AO ME LEVANTAR APAGO POR COMPLETO, QUANDO DESPERTO ESTOU NO CHÃO COMO SE EU ESTIVESSE DESMAIADO.MUITAS TONTURAS.  .PAZ E LUZ.ANA MARIA 

    Curtir

Os comentários estão fechados.